Puto Aires revela como os pais geriam seu dinheiro e fama na infância

Por Redacção 0

Sempre que o assunto for apresentação televisiva de factos culturais e entretimento em Moçambique, Puto Aires é um nome obrigatório por se invocar. O seu rosto invadiu lares desde cedo, aos 11 anos de idade, concretamente, na Televisão de Moçambique, por isso o seu percurso profissional é visto como exemplo de superação e conquista antes da idade adulta.

E porque nessa altura, não tinha poder suficiente de decisão do que amealhava, os seus pais tiveram a missão de gerir os bens do “Puto”. Numa entrevista concedida ao Jornal Domingo, Aires Cossa, agora pai de uma filha, Filipa, revela como os seus pais geriram o dinheiro que ganhava e a sua fama.

Aos pais do “Puto Aires” coube a tarefa de educá-lo e orientá-lo de forma que a criança extrovertida e talentosa não se envaidecesse e perdesse o foco. “Eles tiveram um papel importante, até porque, sem eles, teria desistido”. É que, conforme contou, a TVM não pagava salário a crianças. “Os meus pais tinham de comprar roupa para que eu me apresentasse condignamente”.

Entretanto, aos 15 anos de idade passou a fazer viagens pela televisão e a partir daí os primeiros valores foram parar à sua ‘conta’, para pagar as despesas de alimentação e acomodação nos locais onde escalavam para fazer o programa. “Era um bom dinheiro, o produtor é que o geria nessas viagens de trabalho, mas ao regressarmos à casa tudo o que restava era colocado nas mãos dos nossos pais, revelou.

Carreira

Aires fez as primeiras aparições no programa Pirlim-Pim-Pim, apresentado por Didinho Caetano, figura por ele destacada incansavelmente pelo facto tê-lo dado diretrizes para singrar no mundo televisivo. Espontaneidade, vivacidade e carisma de que Aires dispoõe, chamou a atenção de Tio Didinho, ao ponto de chamá-lo para animar a sua plateia – assim começa o lançamento da primeira pedra para construção de uma carreira sólida e invejável.

Aliás, foi o eterno apresentador do Pirlim-Pim-Pim que sugeriu que Puto Aires participasse num casting, onde no universo de 39 a 40 candidatos pré-seleccionados, emergiu e fez parte do grupo de cinco crianças eleitas para se tornarem apresentadores. Entretanto, do seu curriculum constam os programas Está na Hora de Brincar e Roda Viva e Alta Tensão.

Diferente do seu mentor, que se dedica exclusivamente apresentação de programas infanto-juvenis, Aires está para um novo público que por sinal é o melhor para si.